Trabalhos remotos são tendência de mercado

///Trabalhos remotos são tendência de mercado

Trabalhos remotos são tendência de mercado

Com o fortalecimento do setor de serviços, é cada vez mais comum empresas que não veem necessidade de possuírem um escritório físico. Jornalistas, arquitetos, profissionais liberais em geral, vem aderindo ao que é intitulado de Teletrabalho, ou seja, o trabalho remoto, que significa, literalmente, trabalho a distância. Muitas empresas adotam esse estilo de trabalho visando diminuir os custos fixos da mesma, como os da infraestrutura, por exemplo.

O teletrabalho é uma forma de trabalho exercida a distância de forma autônoma, utilizando ferramentas telecomunicacionais e de informação que asseguram um contato directo entre o teletrabalhador e o empregador. Pode realizar-se a partir do domicílio do teletrabalhador, de telecentros ou de qualquer ponto onde o teletrabalhador se encontre. Surge como uma nova forma de organização do trabalho.

Coworking. Mas quem opta por não possuir um espaço físico, ainda tem a necessidade de um endereço fiscal e, às vezes, acaba sentindo necessidade de um ambiente para se reunir em projetos específicos. É aí onde entra o Coworking (ou Co-working), modelo de trabalho que se baseia no compartilhamento de espaço e recursos de escritório, reunindo pessoas que trabalham não necessariamente para a mesma empresa ou na mesma área de atuação, podendo inclusive reunir entre os seus usuários os profissionais liberais e usuários independentes.

Fonte. Caso a pauta seja interessante, podemos sugerir fontes e personagens. Como fonte, indico o presidente da Sociedade Brasileira de Teletrabalho e Teleatividades (Sobratt), Ávaro Mello, que irá palestrar sobre o tema Teletrabalho no Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças (IBEF-CE), amanhã.

2017-10-24T03:34:12+00:00 outubro 20th, 2015|Categories: Releases|
X