Entrega do Prêmio Equilibrista reúne grandes nomes do empreendedorismo em homenagem a Geraldo Luciano, da M. Dias Branco, e Pedro Lima, do Grupo 3 Corações

A entrega do Prêmio Equilibrista 2017 realizada na noite desta terça-feira, 21, no Gran Marquise Hotel, reuniu grandes nomes do empreendedorismo em homenagem feita pelo Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças (Ibef) do Ceará ao contemplado da noite, Geraldo Luciano Mattos, da M. Dias Branco, e o reconhecimento ao Grupo 3corações, eleito Empresa Padrão, que tem como presidente Pedro Lima.

Além dos homenageados e convidados, o evento contou com a presença de Consuelo Dias Branco e as filhas Graça e Regina Dias Branco; Marcos Holanda, presidente do Banco do Nordeste (BNB); Igor Queiroz Barroso, do grupo Edson Queiroz; Fernando Cirino; Beto Studart, presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC); Capitão Wagner, Lúcio Alcântara, Maia Júnior, entre outras personalidades.

Em seu discurso, Geraldo Luciano Mattos Júnior, vice-presidente de Investimentos e Controladoria do Grupo M. Dias Branco, agradeceu o fato de ter sido escolhido como o Executivo de Finanças do Ano, sendo reconhecido como Equilibrista de 2017, relembrou os ensinamentos que teve que o empresário Ivens Dias Branco e exaltou a honra de agora fazer parte dos agraciados com o prêmio do Ibef. “É só olhar quem já foi vencedor desse prêmio para perceber a importância”, afirmou.

Já Pedro Lima, empreendedor com mais de 30 anos de experiência dedicados inteiramente à construção e condução do Grupo 3corações, ficou muito feliz pelo reconhecimento do trabalho do Grupo que é líder nacional no segmento de café torrado e moído.

O prêmio Equilibrista, idealizado pelo Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças (Ibef), foi criado em 1984 e é representado por uma escultura em bronze criada pelo artista plástico Osni Branco. O troféu traduz o perfil de um executivo de sucesso.

Também concedido pelo Ibef, o prêmio Empresa Padrão reconhece a empresa que se destaca durante o ano. Os critérios analisados para escolha, além de destaque no setor econômico, são as práticas de gestão e contribuição da organização para o estado.

 

2017-11-22T21:02:40+00:00